Escola conveniada é notícia no programa Encontro por projetos de alfabetização matemática

Alfabetização matemática? Sim. O termo “alfabetização” não está mais apenas no currículo de Língua Portuguesa. Ele é parte da disciplina de Matemática, fundamental para a leitura, interpretação e participação no mundo em que vivemos. Afinal, quando é relacionada ao dia a dia, a Matemática faz todo o sentido, torna-se interessante, descomplicada e muito mais gostosa de aprender (e de ensinar).

A educação mudou tanto que, hoje, as escolas mais modernas e concorridas utilizam a alfabetização matemática como forma de valorizar o caminho que o aluno percorre para chegar a uma conclusão. Ou seja, tão importante quanto o resultado 15 é o raciocínio que levou a ele: 3 × 5, 5 + 5 + 5 ou 23 – 8?

Com esse desafio, o Colégio CCI – Centro de Criatividade Infantojuvenil, de Brasília, conveniado ao Sistema Positivo de Ensino, tem conquistado os alunos. Até as mães já tiraram a prova real: “Hoje eu tenho certeza de que ela aprendeu. Ela não decorou. E ela me ensina”, contou Liliane Rodrigues, em entrevista ao programa Encontro, com Fátima Bernardes, da Rede Globo.

Os resultados positivos não são à toa. A equipe de professores da escola, desde a Educação Infantil aos últimos anos do Ensino Fundamental, participa de formação contínua, com treinamentos on-line e presenciais durante todo o ano, parte do programa de cursos oferecido pelo Positivo. No fim das contas, não é só o aluno que aprende, não: “O Sistema incentiva um aluno investigador, construtor, coautor do seu próprio conhecimento, e assim tem que ser o professor”, diz a professora Regiane Mandu.

Quer ver a reportagem completa que o programa Encontro, com Fátima Bernardes, preparou sobre esse assunto? Assista aqui.

Leia mais:

O ensino da matemática no Programa Encontro, com Fátima Bernardes
Patricia Poeta fala sobre a nova forma de ensinar e aprender matemática