Quatro formas de entender como a educação mudou

Se você perguntar ao seu filho quanto é seis vezes seis, não estranhe se ele precisar de um pouquinho de tempo para responder. Talvez ele tenha aprendido a tabuada de um jeito diferente do que você aprendeu. A educação mudou, e os alunos estão sendo desafiados a compreender e fazer associações matemáticas que justifiquem por que seis vezes seis é 36. Não simplesmente decorar.

Essa grande mudança se baseia na crença de que a aprendizagem de conteúdos deve considerar os modos de agir e pensar, crenças e valores de cada aluno. O professor não é mais o único transmissor de conhecimento. Ele é um mediador, tem a missão de propor desafios e criar condições para que os alunos aprendam a raciocinar com autonomia.

Para ficar mais fácil de entender por que a educação mudou, veja abaixo algumas diferenças entre o ensino tradicional e essa nova forma de aprender.

No Sistema Positivo de Ensino, aprender a tabuada é um processo dinâmico, mais amplo e adequado ao mundo atual. Afinal, quanto mais próximos da realidade dos alunos estiverem os conteúdos, maiores serão as probabilidades de aprendizagem. Conheça nossos diferenciais. Ao escolher a escola do seu filho, é importante prestar atenção na proposta pedagógica, mas sem se prender a rótulos. O fundamental é saber se as práticas na instituição são coerentes com os princípios da família e com a personalidade do aluno, que precisa se identificar com a escola.

Leia mais:

Ctrl C + Ctrl V = Não pode!
Gibi na sala de aula, pode?